Notícias

No início do ano, em reunião com o Reitor João Carlos Salles e o Vice-Diretor Paulo Miguez, o Senador Walter Pinheiro anunciou que a Universidade Federal da Bahia (UFBA) vai receber um aporte de R$ 700 mil através da União para o investimento em pesquisas com células-tronco. O investimento na área de ortopedia e no tratamento da anemia falciforme foi conquistado através de uma emenda junto ao Orçamento da União de 2015.

 

O grupo de pesquisa do Hospital das Clínicas da UFBA, coordenado pelo ortopedista Gilrásio Daltro, tem o foco em tratamento com terapia celular nas sequelas de trauma e anemia falciforme. De acordo com os dados liberados pelo site da Universidade, em casos de necrose óssea em estágio inicial, os procedimentos tiveram aproximadamente 90% de resultados positivos. A verba obtida através da União é um investimento nessa pesquisa que já existe na universidade desde 2004.

 

O Senador  destaca o trabalho de angariar verbas para transformar a Bahia em um polo de pesquisa com células-tronco. “Desde 1997 venho aportando recursos para apoiar o desenvolvimento desta área da medicina na Bahia, seja através de emendas parlamentares ou na busca por recursos junto ao Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação. Também conseguimos contribuir para consolidar parcerias com outras universidades de fora do Brasil, como foi o caso da Universidade de Paris e do Instituto Fraunhofer”, afirma Pinheiro, segundo o site da Universidade Federal da Bahia.

 

Para conhecer mais sobre o procedimento, acesse o site da Universidade através deste link. 

Fonte: Site da Universidade Federal da Bahia
*O IPCT não realiza estudos clínicos com pacientes.

Deixe uma resposta

Translate »