Mayana Zatz


Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo (1968), Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Genética) pela Universidade de São Paulo (1970) Doutorado em Genética pela USP (1974) e pós-doutorado em genética humana e médica pela Universidade da Califórnia UCLA (1977) É Profa. Titular de Genética do Instituto de Biociências da USP. Foi Pró-reitora de Pesquisa da USP (2005-2009).É Coordenadora do Centro de Estudos do Genoma Humano e do Instituto Nacional de Células-Tronco em doenças genéticas, É membro da Academia Brasileira de Ciências e da Academia de Ciências dos Países em Desenvolvimento – TWAS e Presidente Fundadora da Associação
Brasileira de Distrofia Muscular (ABDIM).Ganhou vários prêmios nacionais e internacionais. Recebeu a ordem nacional de grã-cruz de mérito científico . Entre os premios internacionais destacam-se o LÓreal/Unesco para mulheres na ciência (2001) prêmio TWAS em pesquisa médica (2004) ,prêmio México de Ciência e Tecnologia (2008) e prêmio Conte Gaetano por trabalhos sociais (2011). Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Genética Humana e Médica, atuando em biologia molecular com enfoque em doenças neuromusculares e pesquisas em células tronco. Publicou 333 trabalhos científicos (julho de 2013)que foram citados mais de 7700 vezes (média 26.7 por artigo). Tem indice h=40. Orientou 42 teses (14 de mestrado e 28 de doutorado). Foi colunista da revista VEJA onde já publicou mais de 250 artigos científicos para leigos. É autora do livro Gen ÉTICA: escolhas que nossos avós não faziam. Tem grande interesse em questões éticas relacionadas com o Genoma Humano, testes genéticos e células-tronco. Desde agosto de 2010 faz parte do corpo de revisores (BORE) da Revista Science. Participou ativamente da aprovação das pesquisas com células-tronco embrionárias pelos parlamentares (2005) e STF (2008).

Translate »