Notícias

A International Society for Stem Cell Research (ISSCR), uma organização profissional internacional de cientistas de células-tronco, apresentou novas diretrizes para a pesquisa com células-tronco e para o desenvolvimento de novas terapias clínicas. A ISSCR disse que essas atualizações vêm num momento de rápida evolução das tecnologias, como a edição de genes em embriões humanos e de áreas emergentes de descoberta de células-tronco que estão oferecendo oportunidades sem precedentes para compreender a biologia humana e de doenças e também levantando questões que têm implicações sociais e éticas.

“O campo da investigação sobre células-tronco está crescendo rapidamente, com cientistas e médicos desenvolvendo novas terapias que podem ajudar pacientes em todo o mundo que sofrem de uma ampla variedade de condições”, disse o Ph.D. Sean J. Morrison, presidente da ISSCR e diretor do Instituto de Pesquisa do Centro Médico infantil da UT Southwestern. “Essas diretrizes são essenciais para proteger a integridade da pesquisa e para assegurar que os tratamentos com células-tronco sejam seguros e eficazes.”

O ISSCR desenvolveu anteriormente conjuntos de diretrizes que são amplamente seguidos por pesquisadores e instituições em todo o mundo. As atualizações das diretrizes em 2016 expandirão essas áreas temáticas e juntarão todas as orientações com os princípios comuns para a integridade da pesquisa, o bem-estar do paciente, o respeito pelo assunto da pesquisa, da transparência e da justiça social.
As diretrizes foram desenvolvidas por uma força-tarefa internacional de 25 especialistas em células-tronco, pesquisa clínica e bioética, com avaliação e feedback de 85 pessoas e organizações.

Fonte: Stem Cells Portal

Deixe uma resposta

Translate »